Você está aqui

Suíça

PGR pede à Suíça aval para denunciar Eduardo Cunha

Enviado por PerfeitoLouvor em sab, 27/02/2016 - 12:31

A Procuradoria-Geral da República mandou para a Suíça um pedido de autorização para denunciar o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), pelos crimes de evasão de divisas e sonegação fiscal em razão de movimentação irregular nas contas atribuídas a ele na Suíça.

As contas já são investigadas em inquérito no Supremo Tribunal Federal, aberto após a Suíça transferir a apuração sobre Cunha para o Brasil.

Para salvar mandato, Cunha teria aceitado abrir processo de impeachment contra Dilma, diz jornalista

Enviado por PerfeitoLouvor em qui, 12/11/2015 - 08:49

O deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara, estaria negociando com a oposição uma forma de salvar seu mandato oferecendo a abertura do processo de impeachment contra a presidente Dilma Rousseff (PT).

Atualmente, o deputado integrante da bancada evangélica é investigado pelo Conselho de Ética da Câmara por causa da existência de contas bancárias não-declaradas na Suíça e descobertas pela investigação da Operação Lava-Jato.

Cunha se torna alvo de representação no Conselho de Ética por causa de contas no exterior

Enviado por PerfeitoLouvor em sab, 10/10/2015 - 09:11

Sob investigação da Procuradoria-Geral da República (PGR), por suspeita de ter recebido propinas no esquema de corrupção da Petrobrás, o deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) passou a ser alvo de uma representação movida pelo PSOL junto ao Conselho de Ética da Câmara dos Deputados.

Operação desmonta rede de pedofilia que transmitia abusos de crianças pela internet

Enviado por PerfeitoLouvor em ter, 21/01/2014 - 21:26

Uma ação das polícias dos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália
desmontou uma rede internacional de pedofilia que transmitia abusos de
crianças filipinas pela internet.

Segundo o relatório da BBC, as autoridades localizaram e prenderam 29
pessoas envolvidas no esquema, sendo 11 delas nas Filipinas. A
investigação fez parte da “Operação Esforço”, que desde 2012
investiga as ações de pedófilos em 14 países, entre eles Estados Unidos,
Alemanha, Canadá e Suíça.